[WHISHLIST]


Olá, tudo bom com vocês?
Hoje eu trago para vocês, os livros desejados dos últimos meses.

Apenas AmigosApenas Amigos - Cristina Lauren
Holland Bakker foi salva de um ataque no metrô pelo musicista irlandês Calvin McLoughlin. Como agradecimento, Holland o apresenta a um grande diretor de musicais e o que era uma tentativa despretensiosa se transforma numa chance inimaginável, pois, antes mesmo de perceber, Calvin foi escalado para um grande musical da Broadway! Ou quase… Até admitir que seu visto de estudante expirou e ele está no país ilegalmente. Sem titubear, e com uma paixão crescente pelo rapaz que só ele ainda não percebeu, Holland se oferece para casar com o irlandês a fim de mantê-lo em Nova York. Conforme a relação dos dois se desenrola de “apenas amigos” a ”casal apaixonado”, Calvin se torna o queridinho da Broadway. No meio de tanto teatro e do gostar-sem-se-envolver, o que fará esse casal perceber que há muito amor verdadeiro em cena?
O que Alice esqueceu





O que Alice Esqueceu - Liane Moriarty
Alice tinha certeza de que era feliz: aos 29 anos, casada com Nick, um marido lindo e amoroso, aguardando o nascimento do primeiro filho rodeada pela linda família formada por sua irmã, a mãe atenciosa e a avó. Mas tudo parece ir por água abaixo quando ela acorda no chão da academia... dez anos depois!
Enquanto tenta descobrir o que aconteceu nesse período, Alice percebe que se tornou alguém muito diferente: uma pessoa que não tem quase nada em comum com quem ela era na juventude e, pior, de quem ela não gosta nem um pouco.
Ao retratar a vida doméstica moderna provocando no leitor muitas risadas e surpresas, Liane Moriarty constrói uma narrativa ao mesmo tempo ágil e leve sobre recomeços, o que queremos lembrar e o que nos esforçamos para esquecer.



NOVOS NA ESTANTE | ABRIL


Olá, tudo bom com vocês? Hoje eu trago para vocês os livros que entraram para a minha estante no mês de Abril!

Crédito: Minha Vida Literária

O Lado Feio do Amor - Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo... apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor. O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.

[LEITURAS DO MÊS] MARÇO |2018


Oie, tudo bom com vocês? 
Se eu não fizer post atrasadoi, não sou eu não é mesmo? Então hoje eu trago para vocês os livros que li no mês de março.

O Ar que Ele Respira - Britainy C. Cherry

Finalmente fui ler um livro desta mulher, que todo mundo fala tão bem, e minha gente por que não li antes?! Adorei a escrita da autora, o que dizer do Tristan e Elizabeth? São dois personagens que estão recomeçando a vida, e que tiveram suas vidas devastadas por uma imensa tragédia. Gostei de como a estória foi conduzida, e estou doida para ler os outros livros desta autora, aliás, nem sei porque não fiz isso ainda. Não tem como você não torcer para que estes dois personagens quebrados se deem a chance de seguir em frente.

[FILME] A Barraca do Beijo


Sinopse: Melhores amigos desde sempre, Elle (Joey King) e Lee (Joel Courtney) têm a inventiva ideia de gerenciar uma barraca do beijo durante um evento da escola. Para fazer da proposta um sucesso, a garota tenta convencer o galã Noah (Jacob Elordi), seu crush e irmão mais velho de Lee, a participar da brincadeira. Ele mostra-se irredutível, mas os dois acabam se aproximando como nunca, o que estremece a amizade de Elle e Lee.

Duração: 105 min. Diretor: Vince Marcello  - Gênero: Romance, Comédia  Classificação: 12 anos      Nota: 🎬🎬🎬🎬🎬


Oi, gente linda a quanto tempo não apareço por aqui, não é mesmo?
E pior ainda, a quanto tempo não venho conversar sobre filmes com vocês 😟
Mas enfim, estou voltando, bem na leeenta. 

Hoje vim falar com vocês de um filme que foi lançado dia 11 de maio, mas que já virou sensação na internet, atire a primeira pedra quem não ouviu falar de 'A Barraca do Beijo', nestas últimas semanas. Movida pela curiosidade, aproveitando que quinta foi feriado decidi assistir a esse filme mega comentado por todo mundo, e eu fui entender o motivo de se tornar um queridinho do momento.

[NOVOS NA ESTANTE] MARÇO|2018


Oie, tudo bom com vocês? Hoje trago para vocês os livros que ganharam um espacinho na minha estante no mês de março (se bem que o espaço está se tornando meio que escasso por aqui....)

 De volta Para Casa - Seanan McGuire

"...e a única pessoa que pode lhe dizer como sua história termina é você". 

Crianças sempre desapareceram nas condições certas: escorregando pelas sombras debaixo da cama, atrás de um guarda-roupa ou caindo em buracos de coelhos e em poços velhos, para emergir em algum lugar... diferente. 
Nancy viajou para um desses lugares, e agora está de volta. As coisas que ela viu... mudam uma pessoa para sempre. E as crianças sob os cuidados de Eleanor West compreendem isso muito bem: cada uma delas procura a porta de volta ao seu próprio universo fantástico, mas poucas conseguem encontrá-la. Afinal, mundos mágicos têm pouca utilidade para crianças cujos milagres já foram usados.
A chegada de Nancy marca também uma terrível mudança no internato. Há uma escuridão pairando à cada esquina, e quando a tragédia ataca, Nancy e seus colegas precisam desvendar o mistério.
Não importa o custo.

[WHISHLIST] MARÇO & ABRIL|2018 #17


Oie, espero que esteja tudo bem com vocês.
Hoje trago para vocês, a minha lista de livros desejados que foram lançados em março e abril.

#1. A Mulher na Janela - A. J. Finn
A Mulher Na Janela

Anna Fox mora sozinha na bela casa que um dia abrigou sua família feliz. Separada do marido e da filha e sofrendo de uma fobia que a mantém reclusa, ela passa os dias bebendo (muito) vinho, assistindo a filmes antigos, conversando com estranhos na internet e... espionando os vizinhos. Quando os Russells – pai, mãe e o filho adolescente – se mudam para a casa do outro lado do parque, Anna fica obcecada por aquela família perfeita. Até que certa noite, bisbilhotando através de sua câmera, ela vê na casa deles algo que a deixa aterrorizada e faz seu mundo – e seus segredos chocantes – começar a ruir. Mas será que o que testemunhou aconteceu mesmo? O que é realidade? O que é imaginação? Existe realmente alguém em perigo? E quem está no controle? Neste thriller diabolicamente viciante, ninguém – e nada – é o que parece. "A Mulher Na Janela" é um suspense psicológico engenhoso e comovente que remete ao melhor de Hitchcock.

Topo